sexta-feira, 27 de abril de 2012

Os amadores Kodak

No início de 1929, pouco antes do crash bolsista que iniciaria a Grande Depressão, a Kodak lançou o seu ambicioso concurso de Fotografia amadora com uma agressiva campanha publicitária que anunciava prémios exorbitantes para a época. Para a empresa, a motivação era clara: acreditava que por cada prémio mais câmaras, rolos e papel venderia e que pelo investimento feito na organização e em publicidade obteria um retorno bastante superior.

Anúncio de imprensa do Concurso Kodak, 1929
imagem obtida aqui


A estratégia desenhada sobreviveria à depressão iniciada em Setembro desse ano e dois anos depois, numa economia bastante fragilizada, o valor total dos prémios triplicara com a Kodak a  insistir no seu objectivo de manter as câmaras fotográficas a trabalhar. Nessa mesma edição de 1931, são pela primeira vez aceites participantes exteriores à américa do Norte e a competição torna-se global.
O espólio das edições do concurso, que duraria até aos anos quarenta, encontra-se presentemente na posse da Biblioteca da Universidade de Rochester, onde dois articulistas do Blog LENS, do The New York Times, folhearam os álbuns e puderam constatar que no meio de imensas imagens “fofinhas” de crianças, de longe a categoria com mais entradas (e a que mais era incentivada pela Kodak), apareciam algumas fotografias de invulgar qualidade e outras de natureza bastante inesperada e peculiar.

D. J. Ruzicka, Pennsylvania Station, Nova Iorque,1929
imagem obtida
aqui




F.H. Stevens, sapatos engraxados, Massachussets, 1942
imagem obtida aqui

Luis Garcia Gurbrindo, Tourada, Espanha,cerca de 1931
imagem obtida aqui




Na primeira edição existia um primeiro prémio, global e anual, de maior valor e prémios para cada estado americano, e cada província do canadá, na categoria de Fotografia de bebés e crianças bianualmente, nos meses de Março e Abril. Depois havia ainda dez competições secundárias nas categorias de Cenas de exterior, Retrato informal, Registo de uma história, Desporto, Animais, Cenas de natureza, Arquitectura, Interiores, Natureza-morta e Fotografia invulgar.
Sobre os autores e as circunstâncias que envolveram a realização das fotografias concorrentes, regra geral, sabe-se hoje muito pouco dado que o formulário do concurso apenas exigia o nome do autor, a morada, o tipo de câmara e o tipo de filme.


Formulário de inscrição no concurso Kodak, 1929
imagem obtida
aqui

Para mais informações e imagens, dê-se uma olhadela no texto do LENS.

__________________________________________________________

2 comentários:

  1. Muito Bom Belíssimo achado o Documento. Boas Festas e Sucesso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Léo! Ainda bem que gostou.
      Boas Festas para si também.

      Eliminar